Poemas declamados

Loading...

06 março, 2009

«« Tenho um encontro««


Tenho um encontro marcado com as palavras
À beira de um lago salgado na tristeza
Vamos conversar sobre vidas retalhadas
Pelas espadas afiadas da incerteza

Tenho um encontro marcado no infinito
Trémulo reflexo de ti, meu poema inacabado
Vou confessar-te as vezes em que insisto
Em procurar-te nas pedras de um castelo encantado

Nesse dia se ouvirá uma melodia celestial
Tocada em acordes de encantamento
Elevada aos céus no aroma de um roseiral

Porque meu amor esse encontro sem tempo
Foi marcado pela força de um vendaval
No mistério de um verso de vida sedento

Sem comentários: