Poemas declamados

Loading...

19 março, 2009

«« Duvidas««


Duvida
Tanta duvida
Vão e vêm em delírio
Mar de duvidas

Olhei-te, olhaste
Será que me viste

Duvida
Será que sente
Que eu senti ali, vi
Sim eu vi
Essa duvida não existe

Vi a solidão no olhar
Sofrimento, incerteza
E duvidas
Tantas duvidas

Sair dali
A correr eu quis
Eu vi no andar
Ao afastar a seu lado
A duvida

Porque não respondi
Ás duvidas
E as respostas
Onde estão

Se nem eu te entendo
Coração aparvalhado
Ficaste calado
E agora agonizas
Nesta duvida

Sem comentários: