Poemas declamados

Loading...

26 março, 2009

«« Desejos que atraíste ««


Se eu dissesse que não te amo, mentia
Renegava o que de melhor em mim existe
Ultrapassava os desejos que atraíste
Tantas vezes remexidos na agonia

Comigo, perdida nesta apatia
Tento esquecer o momento em que partistes
Relembro o instante em que me possuíste
Deleite, elejo-te minha alquimia

Isto acontece após a despedida
Breve instante em que me separo de mim
Em que sinto minha alma dorida

Na incerteza de te ter novamente
Tento olhar a vida de frente, aprender a sorrir
Tento encontrar a seiva, a força que me sustente

Sem comentários: