Poemas declamados

Loading...

12 julho, 2009

«« Menina que foste ««


O brilho no olhar,
Menina que foste
Um anseio a despertar,
Cada ruga a contar
As lidas que cansaram
Esses olhos a brilhar
Parece, querem chorar
Ou quem sabe me ensinar
Os caminhos a trilhar
Velhinha
No teu chapéu
Descansa o sonho meu
De te poder abraçar
A vida te ofertar
De uma leveza tal
Que todas as tuas dores
Pudera carregar
Pobre de mim
Tal sonhar
Quisera eu ofertar
Um sorriso, uma flor
Um pouco de carinho, amor
Tomar no colo teu chorar
Mostrar o dia a despertar
Um sorriso te ofertar
No meu regaço
Te acolher
Quem sabe
Ajudar-te a esquecer.
Ou simplesmente
A morrer.

Sem comentários: