Poemas declamados

Loading...

12 maio, 2010

«« Diferente não será igual ««


Porque voam em bandos os pássaros
Porque os carneiros se tresmalham
Porque gritam os homens e ralham
Porque os burros usam arreios

Voam em bandos os pássaros
São um na nuvem espessa
Milhares de asas são comandos
De um rumo, uma promessa

Os carneiros se tresmalham
Decoram o repetitivo
Saem dos muros que os cercam
Perdem-se e não sabem o motivo

Os homens gostam de ralhar
Pensam que assim são ouvidos
Dá mais trabalho pensar
E conter os medos sentidos

Coitados dos burros
Usam arreios sem querer
São burros e são casmurros
Passam na vida a remoer…

Poeta maldito. ( pseudónimo )

Sem comentários: