Poemas declamados

Loading...

17 junho, 2010

«« O peso das minhas duvidas««


Comecei por escrever o poema "" Morte "" uma reflexão ligeira sobre a morte física e tudo o que lhe está associado, não pensei na altura dar continuidade ao texto, passados dois ou três dias nasceu outro poema onde o peso das minhas duvidas estava bem patente no poema "" Recordações "" aí comecei a pensar que este peso se estava a tornar patológico e esperei para ver, hoje nasceu outro texto com o mesmo peso, assim sendo e como me conheço muito bem, achei por bem criar um ciclo que durará até ao momento em que o peso se partir ao meio, para assim ficar mais leve, ou seja até ao dia em que deixe de ter vontade de escrever sobre pesos.

Sem comentários: