Poemas declamados

Loading...

25 fevereiro, 2010

«« Mulheres ««


Falo de rosas brancas
De vermelhas, amarelas
Falo de rosas, rosa, lindas e singelas
Falo de mulheres brancas
Negras e asiáticas
De mulheres, livres e francas

Falo também das outras
Das mudas e oprimidas
Das cansadas, ressentidas
Daquelas que já estão mortas
Mesmo estando ainda vivas
Falo das oprimidas
Pela sorte e p`las adagas

Falarei das que já morreram
Pela mão da hipocrisia
Filhas sem dinastia
De um reino que sustiveram
Com o suor do dia a dia
Massacradas na acalmia
Pelo desprezo que lhes deram.

Sem comentários: