Poemas declamados

Loading...

01 abril, 2008

«« eu ««


Eu tenho saudades
Essa palavra crua
Que nos oprime as vontades
Que nos deixa a alma nua


Eu tenho saudades tuas
Minha meninice perdida
Quando queria ter a lua
Que no tempo ficou esquecida


Tenho saudades da vida
Que nunca cheguei a viver
Tenho uma saudade oprimida
Que acaba quando morrer


Saudades é reviver
Um doce momento da vida
Não será antes o empobrecer
De uma alma enegrecida


Esta minha saudade vencida
Aparece e quando em vez
Quase sempre fica escondida
Melhor que seja assim! Talvez…

1 comentário:

Anónimo disse...

Mentira. Hoje é dia das mentiras!!!!!