Poemas declamados

Loading...

22 novembro, 2007

Para ti menino


Hoje olhei para ti
Menino que moras na rua
Com a dor dentro de mim
Menino de vida nua

Menino que vida a tua
Que vives na escravidão
Já conheces essa rua
Como a palma da tua mão

Onde mendigas o pão
E a fome vais enganando
Onde foges da repressão
E na vida vais andando

Teus olhos estão a gritar
O quanto já sofreste
Ninguém parece notar
Que ainda hoje não comeste….

Sem comentários: